Quarta-feira, 26 de Novembro de 2008
O riso de circunstância

 

É um dos piores gestos que podemos usar, para não dizer dos mais cruéis. Mas hoje lembrei-me do riso de circunstância pelos melhores motivos, ou seja, já não levo com um há algum tempo. É sinal que estou no bom caminho!
 
Neste caso, a mensagem surda passa através de uma intensidade brutal, em que o seu autor quase que admite a negligência ou o malefício do outro de forma intencional. Naquele silêncio, quem leva com um riso de circunstância é como se levasse um estalo. No entanto, mais do que um gesto sarcástico, considero o riso de circustância um acto de cobardia. Quem o faz normalmente não tem coragem para assumir os seus verdadeiros propósitos, servindo-se assim de uma reacção quase instintiva, de sobrevivência.
 
Posso dizer que, na minha perspectiva, é mais preferível utilizar as palavras, magoando se assim for o caso. De facto, o riso de circunstância não fere o ouvido mas a sua agressividade é tal que o mesmo se mantém fotogrado de forma perene.
 
Penso que este gesto revela a verdadeira essência da pessoa, pelo que há que ter em atenção os seus emissores. Posso dizer que já cortei a confiança a muitas pessoas depois de ter sido vítima deste tipo de postura. Para mim, mais do que as imagens, os pormenores valem por mil palavras.


publicado por Gil Nunes às 16:59
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


posts recentes

Novo Blog

Gil e a Igreja

Memórias dos 30 - O Pesad...

Auto-brincadeiras: todos ...

Memórias dos 30- Emanuel ...

Memórias dos 30 - O Marte...

Memórias dos 30 - Estrela...

O besouro(150 dias até ao...

Polonia -dia 1

A vodka é a principal cau...

arquivos

Abril 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Maio 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Agosto 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Dezembro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Junho 2004

tags

todas as tags

links
Fazer olhinhos
subscrever feeds