Quarta-feira, 29 de Abril de 2009
Respeito por TODOS os animais!

 

Ter respeito pelos animais é algo de muito bonito. Mas entendo que se deve ter respeito por todos os animais e não apenas por uma parte. Revoltam-me todos aqueles que, fingindo, se deleitam perante o ar afável de um cão sem respeitarem convenientemente todos os seres que habitam neste planeta. Toca a destruir o insecto à vassourada!
 
No outro dia fui até à varanda e vi um vizinho meu todo atarantado de mata-moscas em punho em pleno combate com um pequeno insecto. Bastaria abrir uma janela e o problema estaria resolvido, mas foi preferível descarregar as suas amarguras num pequeno bich. Se fosse um cãozinho, já se sabe: tão querido, fofinho e pequenino!
 
Para mim, as regras são simples: desde que não coloquem em causa o meu quotidiano, tudo bem! É claro que se tiver uma invasão de formigas em casa, sou o primeiro a dizimá-las. A Natureza deve ser adequada em meu próprio benefício, e aquilo que pode ser uma afirmação egoísta esbate-se nos olhos da razão.
 
Todos. Também sou afectado por intrusões de bichos em minha casa, como todo o ser humano. Agora a todo o custo evito matá-los. Entendo que é uma profunda falta de respeito pela vida e um atestado de desconhecimento perante algo que simplesmente veio ali parar, sem qualquer tipo de intenção, até porque não tem capacidades para pensar ou imaginar.
 
Assim, no caso de não os conseguir devolver à liberdade pela janela, uso uma pequena caixa que tenho em casa para depois os colocar em terra firme, no jardim do prédio sem qualquer possibilidade de me incomodarem mais. Agora acreditem que fico fulo quando reparo na insensibilidade das pessoas em aniquilarem, sem qualquer força maior que os guie em direcção àquele acto. E, se calhar, são essas que levam o cãozinho a passear, supostamente com todo o amor e carinho. Mas porque raio o cão há-de valer mais que o insecto? Até no tratamento com os animais, não há justiça social instalada. E sem terem atenção aos pequenos gestos falam, ratificam, debitam… como se fossem os donos da verdade!


publicado por Gil Nunes às 11:20
link do post | comentar | favorito
|

1 comentário:
De rui a 29 de Abril de 2009 às 17:05
Boas tardes
Resta-me perguntar como pode viver uma pessoa que tem tanto respeito pelos animais?
É se não sabe mas os vegetais, como a água tem seres vivos e esses também merecem viver. Ver a cena pelo teu ponto de vista. O radicalismo também é de mais.
Até um dia destes


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


posts recentes

Novo Blog

Gil e a Igreja

Memórias dos 30 - O Pesad...

Auto-brincadeiras: todos ...

Memórias dos 30- Emanuel ...

Memórias dos 30 - O Marte...

Memórias dos 30 - Estrela...

O besouro(150 dias até ao...

Polonia -dia 1

A vodka é a principal cau...

arquivos

Abril 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Maio 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Agosto 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Dezembro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Junho 2004

tags

todas as tags

links
Fazer olhinhos
subscrever feeds