Sábado, 13 de Fevereiro de 2010
O Zé

 

O Zé é o gajo que supostamente manda em todos nós, isto se adoptarmos a definição de país. Eu continuo a achar que ele não foi feito para andar de fato e gravata. Aliás, eu penso que, sem me querer militar no Bloco de Esquerda, existe uma exagerada abundância de fatos nos políticos portugueses. Começa a ser repetitivo. Ainda no outro dia estava a ver um debate na SIC Notícias e, de tanta indumentária parecida, pensei ser pitosga e estar a ver o Avatar.
Ficará para outro post. Mas voltemos ao Zé. O que seria o Zé se não fosse Primeiro-Ministro? Acreditem que às vezes dou por mim a pensar nestes assuntos. Olhem o Cavaco seria professor, assentava-lhe bem a figura. Se andássemos para trás uns anos seria o Prof. Aníbal, de Cálculo Financeiro, em toda a sua plenitude. O Jesualdo Ferreira caía bem como advogado, ou coisa parecida. O tipo tem uma boa retórica, apesar de toda a gente o rotular como treinador de futebol, o que é sempre uma vantagem. E o Zé?
Vejo o Zé como um daqueles polícias de gabinete, atulhado de papelada até às pestanas. “Então, Zé, muito trabalho?” – pergunta o superintendente. Zé responde que sim enquanto desliza o indicador na testa e, ao mesmo tempo, fecha a janela do Farmville para não levantar suspeitas. Enquanto isso envia um sms a uma amiga e troca impressões corriqueiras com a mulher no Messenger. Posto isto, recebe uma mensagem do Tó, o vizinho da frente. “É pá, o carro da minha mulher foi multado, podias ver isso e tal”. E lá vai o Zé, com o seu coração bondoso, pegar no molho de multas e fazer desaparecer o dito emblema.
No final do dia, Zé levanta-se da cadeira e caminha em direcção à gabardina com a dignidade de um lorde. Aliás, aquele andar, cavalgante, tem sangue inglês nas veias. Mas não se preocupem que há piores agentes que o Zé. O Toni, por exemplo. Aquele que era viciado em “TV Shop” . Todos, naquela esquadra, tiveram de fazer uma “vaquinha” para comprarem as facas “GINSU” ou as televisões de alta – definição japonesas. Entra de mansinho. À noite diz que tem compromissos e sai ligeirinho. Maltrapilho, ainda hoje deve centenas de euros à trupe!


publicado por Gil Nunes às 20:13
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


posts recentes

Novo Blog

Gil e a Igreja

Memórias dos 30 - O Pesad...

Auto-brincadeiras: todos ...

Memórias dos 30- Emanuel ...

Memórias dos 30 - O Marte...

Memórias dos 30 - Estrela...

O besouro(150 dias até ao...

Polonia -dia 1

A vodka é a principal cau...

arquivos

Abril 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Maio 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Agosto 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Dezembro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Junho 2004

tags

todas as tags

links
Fazer olhinhos
subscrever feeds